HPLHCM Lisboa
Início > Notícias
.
Projecto BIP/ZIP vence Prémio Future Cities da Bienal de Veneza
30-08-2012

Foram anunciados em Veneza os três premiados do Prémio Future Cities, Planning for the 90 per cent, que contou com mais de 100 participações de diversos países. E o projecto 'PRODAC Norte em Movimento', inserido no programa BIP-ZIP (bairros/zonas de intervenção prioritária) da Câmara de Lisboa, é um dos três premiados.
Leia mais, clique no título

Lançado em 2011 sob o mote “Queremos Mudar o Bairro”, o programa BIP-ZIP da CML assenta numa política pública municipal que visa dinamizar parcerias e pequenas intervenções locais de melhoria dos “habitats” da cidade através do apoio a projectos levados a cabo por juntas de freguesia, associações locais, colectividades e organizações não governamentais.

Este programa “façam vocês mesmo”, em que são as associações e colectividades locais que submetem o que pretendem fazer, e que deitam mãos à obra – a autarquia apenas funciona como um facilitador, através de apoio técnico e económico – recebeu este ano 106 candidaturas envolvendo 285 entidades, 101 promotoras e 184 parceiras.

Foi através destas parcerias, entre a associação de moradores do Bairro PRODAC Norte e o ateliermob, que surgiu o projecto 'PRODAC Norte em Movimento', agora vencedor do prémio de Veneza.

O projecto pretende, através do trabalho conjunto dos parceiros e da CML, legalizar e detectar situações de risco neste bairro, autoconstruído pelos moradores há mais de quarenta anos.

São estas pequenas iniciativas que podem mudar um bairro, considera Helena Roseta, que pretende que estes bairros/zonas de intervenção prioritária tenham oportunidades iguais aos outros e que, passados os 10 anos que dura o Programa Local de Habitação de Lisboa, onde a Carta dos Bip-Zip está inserida, sejam bairros verdadeiramente iguais aos outros.

“Este prémio internacional é um reconhecimento muito importante que mostra que, neste momento e a nível mundial, a arquitectura tem como prioridades a responsabilidade social, a participação, e o direito de todos à cidadania e a um ambiente urbano qualificado”, acrescenta Helena Roseta.

O projecto, apresentado em Veneza pelo ateliermob com o nome “Working with the 99%”, defende um reposicionamento da prática de arquitectura como resposta urgente ao discurso que transmite a ideia de um país adiado e sem futuro.

Os outros dois premiados foram o Secretariado de Habitação do Município de S. Paulo (Brasil) e Interazioni Urbane (Itália).

Para mais informação sobre o BIP-ZIP Lisboa 2012 - Parcerias Locais clique: AQUI