HPLHCM Lisboa
Início > Notícias
...
CML e ISCTE assinam protocolo de colaboração
AR, 27-03-2015

A Câmara Municipal de Lisboa e o ISCTE – Instituto Universitário de Lisboa formalizaram ontem um protocolo de colaboração que vai incidir sobre processos de Desenvolvimento Local nos territórios de intervenção prioritária de Lisboa (BIP-ZIP). No momento da assinatura do documento, a vereadora da Habitação e Desenvolvimento Local, Paula Marques, sublinhou que as parcerias com a comunidade académica são essenciais para ter uma visão crítica na análise do trabalho lançado no terreno, estando na linha de uma estratégia de intervenção a que são chamados os diversos parceiros, numa acção conjunta. Simbiose que o reitor do ISCTE - IUL, Professor Doutor Luís Antero Reto, salientou também, considerando que a ligação com o meio exterior é hoje fundamental para a universidade.

No âmbito da parceria, foram salientados dois pontos já em curso, como o Curso de Especialização em Territórios Colaborativos e ainda a intervenção da instituição universitária no âmbito Projecto USER +SAAL Lisboa, que envolve o vale de Chelas. Uma experiência que teve a colaboração directa e local de 16 alunos, numa aprendizagem constante, tanto no campo académico, como pessoal, como referiu a professora Alexandra Paio, responsável com Miguel Brito (em representação da CML) pela coordenação científica e técnica do protocolo entre as duas instituições. O trabalho dos jovens universitário tem sido muito importante para a população com que interagem, referiu por seu lado Paula Marques. É cada vez mais necessário trazer para estes núcleos urbanos outras perspectivas, numa actuação comum e directa, referiu a autarca. A participação transversal na definição e realização dos projectos, envolvendo na regeneração urbana tanto os decisores como os próprios moradores e utentes, num esforço partilhado, é mais efectivo ainda com a entrada da universidade nos processos, referiu Paula Marques, salientando que este é o primeiro protocolo estabelecido com o meio universitário no âmbito do desenvolvimento local.