HPLHCM Lisboa
Início > Outros Documentos
.

A Carta Social - rede de serviços e equipamentos é uma base de dados on-line, organizada pelo Gabinete de Estratégia e Planeamento do Ministério do Trabalho e da Segurança Social, que permite conhecer as respostas sociais disponíveis em todo o país, por distrito, concelho e freguesia e nas diferentes áreas de actuação.
Consulte a Carta Social AQUI

Este Plano foi elaborado pelo Grupo de Trabalho para a Pessoa Sem Abrigo consituido no âmbito da Rede Social de LIsboa e aprovado pelo plenário do Conselho Local de Acção Social de LIsboa em 4 de Maio de 2009.

Apresentação da Vereadora Helena Roseta à CML em 11 de Abril de.2012.
Pretende-se uma gestão integrada dos recursos e respostas de intervenção existentes na cidade de Lisboa, centrada nas questões das pessoas, que considere o indivíduo (e não o grupo) como preocupação central.

Palabras Claves: Precio del Suelo, Oferta y demanda, Política de Vivienda, Economía Urbana,
y Política municipal de suelo.

Autor Julio Rodríguez López, Unversidad de Alcalá, Madrid

.

O relatório Registos do Processo – Dezembro 2012, importante documento sobre a Iniciativa Bairros Críticos, na Cova da Moura, Vale da Amoreira e Lagarteiro, foi coordenado por Susana Sousa, do Instituto de Habitação e Reabililitação Urbana, com a colaboração de António Guterres, Cláudia Costa e Helena Mire Dores. Destaca os resultados possíveis da aplicação de uma mudança de paradigma na intervenção de planeamento urbanístico. O trabalho sistematiza o modo como se operacionalizou (no seu quotidiano e nas suas práticas) o que os novos modelos teóricos e políticos preconizam. É um documento da maior importância, não apenas pela riqueza e pioneirismo dos processos que reflecte, mas sobretudo pelas pistas que deixa, numa altura em que tanto se fala da necessidade de encetar novas abordagens, participadas e cidadãs, na intervenção inteligente sobre o território e sobre o quadro de vida das pessoas e das comunidades.

Clique no título para consultar em baixo o documento Registo do Processo – 2012, volume I , dividido em dois ficheiros. O ficheiro 1 inclui o Índice, a lista de siglas, a Sinopse, a Nota Prévia e as parte I - A Iniciativa Bairros Críticos (IBC) e II - A operacionalização da Resolução do Conselho de Ministros do volume I do relatório. O ficheiro 2 inclui a parte III - A operacionalização da Ação, que é a mais desenvolvida, a parte IV - Um olhar retrospectivo, a nota de conclusão, os agradecimentos e a bibliografia.

Em Novembro de 2008, decorrente da 17ª reunião dos Ministros da União Europeia da área da Habitação, com o tema “o acesso ao alojamento de pessoas em situação de vulnerabilidade”, foi feita uma recomendação de compromisso para que as políticas ligadas ao fenómeno sem-abrigo sejam tidas em conta no quadro do Ano Europeu 2010 de Luta contra a Pobreza e Exclusão. Foi neste quadro que o Governo preparou e anunciou em 14 de Março de 2009 o documento anexo.